Contemplação

//Contemplação

Viva, hoje vou partilhar contigo sobre o que é a contemplação.

 

A contemplação é um processo de análise mental que podemos utilizar para fazermos um atalho ao resultado das nossas acções e também um processo de conhecimento de tudo o que nos rodeia.

No início o processo é semelhante à Meditação, escolhemos uma posição confortável, a melhor é sentado de pernas cruzadas mas nem sempre é a mais confortável para toda a gente. Esta posição cria uma rede bioenergética mais favorável.

Concentramo-nos na respiração, quer seja com imagens do fluxo das ondas ou apenas com a inspiração e a expiração. Os pensamentos começam a acalmar e começamos a emitir outra frequência e a entrar em harmonia com o todo.

Neste momento em vez de seguirmos o processo da meditação, agarramos um pensamento e começamos a analisa-lo. Podemos também criar esse pensamento como um processo que damos seguimento ou apenas um objecto que queremos aprofundar o conhecimento.

No fundo a contemplação é um processo de análise consciente sobre um pensamento, uma situação e na nossa mente vermos as diferentes soluções, possibilidades e assim ajudar-nos a escolher a melhor direcção para nós, sem termos que a viver fisicamente.

Isto é válido quer para o passado, o presente e o futuro.

É um atalho que nos faz ganhar muito tempo nas nossas decisões, aliás é o que a psiquiatria faz, tanto quando faz a pessoa falar como através da psicanálise.

A contemplação são os olhos da Alma

( Jacques Bossuet)

Quando queremos obter conhecimento sobre um objecto ou outra coisa, aí a nossa concentração é sobre todos os pormenores do objecto, em todas as camadas.Quando fazemos este tipo de contemplação pode ser bastante radical em transformar a forma como vemos o mundo e chegamos facilmente à mesma conclusão que  a física quântica fala.

No mundo do infinitamente pequeno o espaço é tão vasto como no mundo do infinitamente grande e onde as leis da física são aparentemente diferentes das do mundo observável.

No entanto essas leis regem tudo ao nível macroscópico e tem um impacto real na nossa realidade.

Na física quântica o observador é a chave que transforma tudo e actualmente muitas poucas pessoas( além dos físicos quânticos ) se perguntam porquê e como.

Chegamos á conclusão que tudo é informação , que orbita diferentes matrizes espaço-temporais.

Essa informação é registada segundo padrões geométricos, fractais, que originam as coisas observáveis.

A questão é como? De onde veio essa informação? Onde é que a consciência entra? 

Fractais
Contemplação

Com a Contemplação e a Meditação combinadas conseguimos chegar á verdadeira natureza de cada coisa, objecto, ou situação que apareça na nossa consciência exteriormente e interiormente.

Esta técnica leva-nos numa viagem que muda os padrões estabelecidos, abre-nos uma porta para o verdadeiro auto conhecimento o que permite-nos tomar consciência do que somos e o que temos de fazer para atingir o nossa visão desta vida.

Requer treino e algumas vezes orientação por parte de alguém que a pratica há alguns anos. O processo é simples e muito eficaz e depois de algum tempo podemos realiza-lo em qualquer momento, em qualquer lugar.

Se este artigo vos foi útil, fico muito contente e podem sempre subscrever este blogue e colocar comentários ou perguntas.

Abraço

Ainda não tem comentários

Deixe um comentário

Your email address will not be published.